Facebook

Erva pulmonaria

Erva pulmonaria

Pulmonária: planta medicinal expectorante et emoliente, utilizada principalmente em caso de tosse ou bronquite, pode ser encontrada em forma de infusão.

Nomes
Nome em português: Pulmonária
Nome latim: Pulmonaria officinalis
Nome inglês: -
Nome francês: Pulmonaire
Nome alemão: Lungenkraut
Nome italiano: polmonaria

Família
Boraginaceae

Constituintes
Ácido salicílico, mucilagens, saponinas.

Partes utilizadas
Folhas e sumidades floridas

Efeitos da pulmonária
Emoliente, expectorante, pectoral, diaforético.

Indicações da pulmonária
Tosse (aguda ou crônica), bronquite, dor de garganta, tuberculose.

Efeitos secundários
Desconhecemos

Contra-indicações
Desconhecemos

Interações
Desconhecemos

Preparações à base de pulmonária

- Infusão de pulmonária (chá de pulmonária)

Onde cresce a pulmonária ?
A pulmonária cresce na Europa.

Quando a pulmonária é colhida ?
As folhas de pulmonárias são colhidas no final da primavera.

Observações
Segundo a experiência de diversas pessoas, esta planta seria muito eficaz contra a tosse. O nome pulmonária foi dado na Idade Média, período no qual as pessoas viam o formato da planta (semelhante ao de um pulmão) como um sinal de Deus, falamos em teoria das assinaturas. Esse formato lhe rendeu o seu nome e centenas de anos mais tarde, esta planta apresentou de fato efeitos positivos contra afecções respiratórias. Acaso ou sinal divino, a resposta fica por conta da crença de cada um.

Pulmonária "Pulmonaria officinalis"

Pulmonária "Pulmonaria officinalis"
Como diz seu nome é indicado nas doenças do PULMÃO, é um eficiente expectorante, misturado com mel de abelhas.
Substâncias activas: Saponina, mucílagos, ácidos silícico, taninos, sustancias minerales, vitamina C, carotina, pirrolieidinalcaloides.
Segundo a experiência de diversas pessoas, esta planta seria muito eficaz contra a TOSSE CORIZA E GRIPE.
O nome pulmonária foi dado na Idade Média, período no qual as pessoas viam o formato da planta (semelhante ao de um PULMÃO) como um sinal de Deus, falamos em teoria das assinaturas.
Esse formato lhe rendeu o seu nome e centenas de anos mais tarde, esta planta apresentou de fato efeitos positivos contra afecções respiratórias.
Acaso ou sinal divino, a resposta fica por conta da crença de cada um.
Facilita a respiração.
Indicado a pessoas que trabalham com pó.

Chá de Pulmonaria para Gripe

Chá de Pulmonaria para Gripe
Chá de Pulmonaria para Gripe: A pulmonaria, planta medicinal cientificamente conhecida por Pulmonaria officinallis L, é uma planta que tem vindo cada vez mais a ser utilizada no tratamento de alguns problemas de saúde, nomeadamente no tratamento de infeções, irritações, problemas pulmonares, entre outros.

É também graças às suas propriedades desinfetantes, emolientes, adstringentes, sudoríferas e expetorantes, que o chá da planta pulmonaria se torna num ótimo tratamento natural para a gripe.
Como preparar o chá de pulmonaria
Para preparar o chá de pulmonaria irá necessitar de 500 ml de água, 3 colheres de café de folhas pulmanaria seca e 1 colher de sobremesa de mel. Para fazer o chá deverá começar porcolocar a água numa panela, depois adicione as folhas secas de pulmanaria e leve ao lume a ferver por um período de 5 minutos. Findo esse tempo retire a panela do lume e deixe o chá repousar por 3 a 4 minutos

Como utilizar o chá de pulmonaria no tratamento da gripe

Como utilizar o chá de pulmonaria no tratamento da gripe
Para tratar a gripe com o chá de pulmonaria basta tomar uma chávena do mesmo 3 vezes ao dia, devendo este ser tomado preferencialmente depois da realização das suas refeições. Em relação ao período de tratamento deve prolonga-lo até que todos os sintomas de gripe sejam eliminados totalmente.
Apesar deste tratamento ser bastante natural, é fundamental salientar que nem todas as pessoas o poderão praticar deste modo o uso do mesmo é desaconselhado a gestantes, mulheres que se encontrem no período de amamentação, pessoas com problemas de fígado e crianças, uma vez que a utilização da erva pulmonaria poderá desencadear problemas de fígado.
Outro aspeto muito importante que se deve ter em consideração é o nível da dosagem da utilização desta erva, uma vez que esta quando utilizada em excesso pode-se tornar tóxica. Deste modo é fundamental que em qualquer tratamento realizado com a erva pulmonaria não ultrapasse as dosagens recomendadas.

Conheça historias de quem emagreceu