Facebook

erva uva ursi.

erva uva ursi

Arctostaphylos uva ursi

Planta da família das Ericáceas, tambêm conhecida como uva ursina, buxilo, buxulo, medronheiro, ursina, uva de urso e uva dos ursos. Subarbusto de caules longos e rasteiros, de folhas perenes, carnosas, pequenas de cor verde escura.
Seu fruto é em bagas de vermelho brilhante.Também chamada de uva de urso, medronheiro-ursino.
Em virtude de suas folhas se conservarem sempre verdes pode ser colhida em qualquer estação do ano. O nome "uva-ursi" é a expressão latina para uva-de-urso, adoptada não só porque os ursos comem as bagas da planta, mas também provavelmente porque o seu sabor desagradável as tornas impróprias para consumo humano e apropriadas à alimentação destes animais.

História: O nome latino, "uva do urso", alude ao gosto dos ursos pela fruta da planta. O primeiro registro da uva-ursi data do século XIII em um herbário Gaulês. Os chás e extratos das folhas toram usados como anti-sépticos e diuréticos do aparelho urinário por séculos.
A planta foi usada como um laxante e as folha foram defumadas. Na homeopatia, a tintura das tolhas é eficaz no tratamento da cistite, da uretrite, e das inflamações do aparelho excretor; As frutas não são usadas medicinalmente; Faz perte da Farmacopeia de mais de 30 pelses desde 1964. No século XIX a uva ursi recebia o nome científico de Arbustus uva ursi, e é sob esse nome que ela está classificadas no Green`s Universal Herbal.

Habitat: Regiões montanhosas da Europa, Ásia e América do Norte.

Parte utilizada: Folhas.

Propriedades : adstringente, diurética, antisséptica e antiinflamatória. A uva-ursina contém 5 a 15% de arbutina, que sofre hidrólise, quando ingerida liberando hidroquinona. A hidroquinona constitui o principal componente anti-séptico e adstringente da planta. O ácido ursólico (um derivado triterpeno) e isoquercetina (um pigmento flavonóide) contribuem para a ação diurética do extrato.

Modo de uso da Uva-ursina.

Uva-ursina de nome científico Arctostaphylos uva-ursi L., é uma planta medicinal também conhecida como buxilo, medronheiro, ursina, uva-de-urso ou búxulo.

Esta planta medicinal possui propriedades terapêuticas que agem como anti-séptico e diurético em todo o sistema urinário, sendo muito eficaz no tratamento de infecções urinárias e dos órgãos genitais.

Para fins medicinais são utilizados as folhas dessa planta, que são conhecidas pelo seu forte gosto amargo.

Propriedades da Uva-ursina

Antibacteriana; adstringente; anti-inflamatória; anti-séptica; diurética;

Para que serve a Uva-ursina

Cistite; pedras nos rins; infecções urinárias; inflamações na garganta; vaginites; corrimentos; inflamações da próstata; inflamações na uretra; blenorragias; diarreia; disenteria.

Modo de uso da Uva-ursina

Infecção urinária

Ferver 50 a 60 gramas de folhas de uva-ursina em 1 litro de água, por aproximadamente 15 minutos. O indivíduo com infecção urinária deve beber 3 a 4 xícaras diariamente.
Existem nas farmácias a tintura de uva-ursina, o ideal é misturar de 10 a 20 gotas em 100 ml de água e beber 3 vezes ao dia.
Efeitos colaterais da Uva-ursina

Irritabilidade: náuseas; vômito; insonia.

Contraindicações da Uva-ursina

Mulheres grávidas; crianças menores de 12 anos; indivíduos com sensibilidade estomacal.

Veja para que serve Uva-ursi.

Veja para que serve Uva-ursi / Uva Ursina
Uva-ursi / Uva Ursina (Arctostaphylos uva-ursi)
AÇÃO E INDICAÇÃO:
Antimicrobiano urinário. Indicado para cistites, pielites, prostatites, uretrites e calculose renal. Possui ação cicatrizante.

FORMAS UTILIZADAS:
- Cápsula (pó)

- Tintura (líquido)

BIBLIOGRAFIAS
Uva Ursi - Informativo Técnico.

Uva Ursi - Benefícios para a Saúde.

Apenas as folhas - e não os frutos - são usadas como medicamento.

De acordo com estudos feitos em laboratório, com animais, os investigadores descobriram que as propriedades anti-bacterianas da Uva ursi se devem aos químicos naturais contidos nesta erva, incluindo a arbutina e a hidroquinona; esta erva contem ainda tanino, que possui efeito adstringente que ajuda a diminuir as mucosas do organismo, que, por sua vez, vai ajudar a combater as infecções e a reduzir as inflamações.
Hoje em dia, a Uva ursi é por vezes utilizado para tratar infecções urinárias e cistites (inflamação da bexiga); os investigadores acham que o efeito desta erva é tanto mais eficaz quanto mais a urina é alcalina, pois o ácido da urina destrói o efeito anti-bacteriano; a Uva ursi é mais eficaz quando utilizada aos primeiros sinais de infecção.
No entanto, ainda falta fazer mais trabalho de investigação para determinar o seu grau de eficácia nos humanos; efectivamente, alguns componentes da Uva ursi podem ser tóxicos, como é o caso da hidroquinona, que pode causar lesões graves no fígado; além disso os medicamentos convencionais disponíveis para o tratamento das infecções das vias urinárias apresentam menos riscos.

Conheça historias de quem emagreceu