Facebook

Hamamelis

Hamamelis

Pomada de Hamamelis Pomada de hamamelis virginiana D1 Para quê este medicamento é indicado? Este medicamento é utilizado como auxiliar no tratamento das assaduras de crianças, picadas de insetos, frieiras, hemorróidas, varizes, mastite e dermatites. Tem ação adstringente e protetora. O que contém este medicamento? Hamamelis virginiana D1 Para quem este medicamento é indicado? Uso adulto e pediátrico. Como devo usar este medicamento? A posologia sugerida é: Uso adulto e crianças devem aplicar a pomada três vezes ao dia no local afetado. Se possível massagear de forma circular a parte lesionada até que tenha aderido totalmente à pele.

Extrato glicólico de Hamamelis

PRINCÍPIOS ATIVOS Tanino pirogálico (hamamelitanino); pouco óleo essencial; saponina ácida; colina; ácidos graxos; mucilagem e pectina. PROPRIEDADES E EMPREGOS TERAPÊUTICOS: O Extrato Glicólico de Hamamélis tem ação adstringente, vasoprotetora, vasoconstritora, descongestionante, antioleosidade, anti-acnêica. Indicado nas afecções venosas como varizes, flebites, hemorróidas; em preparações para oleosidade excessiva da pele e do couro cabeludo. Poderá ser incorporado em cremes, loções cremosas, hidroalcoólicas ou tônicas, em shampoos, géis, sabonetes, máscaras faciais, loções de limpeza, produtos pós-barba e outros produtos cosméticos em concentrações de até 10%. Uso Externo. Atenção: O Extrato Glicólico de Hamamélis deve ser adicionado no final da preparação cosmética, com o produto em temperatura abaixo de 45o C. ESTOCAGEM E VALIDADE Deve ser estocado hermeticamente fechado, ao abrigo da luz solar direta e do calor. Prazo de validade: 36 meses a partir da data de fabricação. Obs.: • Poderá ocorrer formação de precipitado e/ou turbidez durante a estocagem, sem alterar as propriedades. • Alterações da cor são esperadas por modificações dos compostos coloridos das plantas. OBS: "Extratos vegetais podem, durante o armazenamento, produzir uma sedimentação leve, a qual é aceitável desde que a composição química do extrato não mude significativamente". Uma variação da coloração também é aceitável, devido ao fato deste ser extraído de um produto natural.

Veja para que serve Hamamelis

AÇÃO E INDICAÇÃO: Adstringente, hemostático, venotônica e vaso protetora, aumenta a elasticidade das veias, diminui a permeabilidade capilar. Trata varizes, hemorróidas e flebites. Pode ser associado a outras plantas, como a Castanha da Índia, para problemas circulatórios. Possui ação cicatrizante. Impede a fraqueza capilar em uso externo. Hamamelis (Hamamelis virginiana) O Hamamelis é uma planta arbustiva ou arbórea de pequeno porte, normalmente encontrada com dois a três metros de altura. Raramente alcança sete metros. É nativa da América do Norte, mais especificamente da costa leste, daí o nome virginiana, pois possui uma grande concentração na região da Virgínia, nos Estado Unidos. Foi introduzida na Europa, mais especificamente na Inglaterra, no ano de 1736 e desde então tem sido muito utilizada como planta ornamental em parques e jardins, pois é uma das poucas plantas que conseguem florescer no inverno. O Hamamelis é uma planta muito empregada tanto pela fitoterapia quanto pela homeopatia, devido ao seu grande valor terapêutico. Praticamente utiliza-se a planta inteira, como folhas, cascas e os galhos. A grande concentração de taninos é sem dúvida o fator responsável pelas suas atividades, sendo que a casca chega a possuir até 12 % de taninos. No artigo do mês de Agosto escrevemos sobre uma planta brasileira também muito rica em taninos, o Barbatimão e relatamos a importância desta classe de substâncias, aplicadas topicamente na forma de cremes, pomadas ou mesmo alguns tipos de sprays. Os taninos, tanto do Barbatimão quanto do Hamamelis, provocam uma precipitação protéica que torna as camadas superficiais da pele mais seguras, pois provocam um encolhimento das estruturas da pele, além de uma vaso-constrição, diminuindo as hemorragias. A diminuição da permeabilidade vascular é equivalente ao efeito antiinflamatório e a ação de fortalecimento dos tecidos dificulta o desenvolvimento de bactérias, provocando um efeito anti-bacteriano. Além dos efeitos antiinflamatórios e anti-bacterianos, também possui uma ação anestésica local, acalmando a dor e as irritações. Pode ser empregada para controle de diarréias, mesmo quando provocadas por infecção intestinal. Conhecendo suas atividades, poderemos usar o Hamamelis com muita segurança em vários casos clínicos. É especialmente empregado em hemorróidas, tanto na forma de cápsulas, tinturas, em formulações homeopáticas, na forma de supositórios ou mesmo em cremes de aplicação tópica. Os resultados são praticamente imediatos. Nos casos de varizes, a sensação de "pernas pesadas", pernas cansadas, que se alivia quando as colocamos para cima, o Hamamelis também possui uma ação muito rápida e eficaz. Às vezes andando pelas ruas, reparo nas pernas de senhoras já idosas, cheias de varizes enormes e fico imaginando a dor e o desconforto que estas pessoas sentem ! E pensar que o Hamamelis, de uma forma tão simples, pode resolver grande parte deste tipo de problema. não que vá fazer um milagre e eliminar todas aquelas veias estouradas, mas vai impedir o rompimento de novos vasos, desinflamar o local e retirar a dor das pernas, aliviando muito aquela sensação horrível nas pernas. Pela ação adstringente é muito empregado em casos de hemorragias, tanto internas como externas. Lembro-me bem de um caso que aconteceu com uma senhora que trabalhava em minha casa. Ela já beirava os quarenta anos, e engravidou. Quando já estava com cinco a seis meses de gravidez, começou a ter alguns sangramentos. O caso foi resolvido em dois ou três dias com o uso de Hamamelis na D1, pois mesmo sabendo que é uma planta que não se conhece nenhuma contra-indicação ou interação medicamentosa, procurou-se diluir os princípios ativos e potencializar o seu valor energético, dando uma segurança extra a ela e ao seu bebê.

Propriedades da Hamamelis

Benefícios da hamamelia A hamamelis é uma planta similar à aveleira. De fato é conhecida como a aveleira da bruxa, entre outros nomes. O seu uso no campo dos remédios caseiros para a pele são muito comuns, pois é um importante adstringente natural. Conheça mais sobre as suas propriedades. Propiedades del hamamelis A hamamelia é uma planta que tem como nome científico hamamelis virginiana, mas também é conhecida como aveleira de bruxa, vassoura de bruxa ou em Inglês como witch hazel. Com características similares à aveleira, é muito empregada no mundo da cosmética devido a sua grande capacidade para trabalhar certos aspetos da pele. Conheça mais propriedades e benefícios da hamamelis: Ante tudo, a hamamelis é um grande adstringente. Ao ter boa quantidade de taninos e flavonóides, serve como estimulação circulatória da pele. Esto é bom para problemas como hemorróides, varizes, flebite, hemorragias e até para a dor de pernas. A hamamelis empregada como tônico para a pele é muito boa para refrescar. Bem seja pela ação de queimaduras do sol como também por inchaços, esta planta pode funcionar como paliativo. A hamamelis pode ser empregada em forma de panos para problemas como contusões, tumefações ou torcimentos sem inconvenientes.

Conheça historias de quem emagreceu