Facebook

Chá de Castanha da india

Chá de Castanha da india

Castanha da Índia – Benefícios e propriedades desta semente No dia a dia consumimos algumas sementes sem nem nos darmos conta de seus benefícios para a saúde e uma que deveria aparecer muito mais em nosso cardápio é a castanha da índia. Produto da castanheira, a castanha da índia é uma planta medicinal bastante utilizada em tratamentos para problemas venosos, como varizes e hemorroidas. Para os fins medicinais as principais partes da planta, como as folhas, frutos e sementes, são usadas. A castanha ainda é excelente em outros tratamentos, basta ter um pouco de moderação sempre que for consumir, pois mesmo com várias propriedades benéficas, em exagero nada é bom. Propriedades da Castanha da Índia A castanha é adstringente, antiedêmica, anti-hemorroidal, anti-inflamatória, estimulante, redutora da permeabilidade dos capilares, tônica, vasoconstritora, analgésica, diurética, hemostática e vasoprotetora, além de aumentar a resistência das veias e capilares. Indicações e contraindicações A castanha da índia é indicada para: Casos de afecção circulatória; Úlceras varicosas e varizes; Cólicas menstruais; Dores nas veias; Inchaço causado pela má circulação; Dermatites, eczemas e inflamações superficiais; Sensação de peso e dor nas pernas; Hemorroidas; Edemas; Fragilidade capilar; Tromboflebite; Metrorragia; Dismenorreia; Facilitar a digestão e melhorar o apetite. A castanha da índia é contraindicada para: Grávidas; Crianças menores de 8 anos de idade; Lactantes; Durante tratamento que use anticoagulantes; Casos de insuficiência renal e hepática; Pessoas com lesões na mucosa digestiva.

CASTANHA DA INDIA Benefícios, Propriedades Medicinais e Indicações Terapêuticas.

Benefícios, Propriedades Medicinais e Indicações Terapêuticas A castanha-da-índia é uma verdadeira planta medicinal. Conhecida como ativadora da circulação sanguínea esta desenvolve-se dentro de um ouriço coberto de espinhos. A sua origem são os Balcãs, região situada no sudoeste da Europa, englobando países como Albânia, Herzegovina, Grécia e Sérvia. Atualmente a Castanha da Índia pode ser encontra por todo o mundo. Para que serve A este maravilhoso fruto está associado diversas aplicações fitoterápicas, relacionadas com a ativação da circulação sanguínea, nomeadamente: tratamento de alterações da circulação sanguínea venosa, tratamento de casos de flebites que ocorre geralmente nas pernas, tratamento de processos reumáticos, prevenção de varizes, prevenção de hemorroidas e apresenta ação anti-inflamatória. Apresenta diversas propriedades medicinais, das quais se podem destacar as seguintes: adstringente, anti-hemorroidal, estimulante, redutora da permeabilidade capilar e vasoconstritora. A Castanha-da-Índia é indicada sobretudo para afeções circulatórias, úlceras varicosas, cólicas menstruais, inchaço derivado da má circulação, flebites, insuficiência crônica venal, dermatite, eczema, peso e dores nas pernas. Tanto podem ser utilizadas as folhas, como as sementes ou frutos para fins medicinais. A Castanha da Índia não é indicada durante a gravidez e amamentação. O seu consumo em excesso poderá originar em alguns casos fraqueza, dilatação da pupila, vómitos, depressão do sistema nervoso central e paralisia. Em cosméticos a Castanha da Índia é também bastante útil na formulação de cremes de beleza para as pernas que previnem a formação de varizes e que previnem a celulite. É utilizada também em tônicos capilares e shampoos que tratam e previnem a queda de cabelo (calvície). A Castanha da Índia é constituída por saponinas, flavonoides e vitaminas, tais como: saponinas triterpênicas, heterosideos cumarínicos, vitaminas B, K1, C e D, ácidos graxos, proteínas, taninos, fitosterol e açúcares. Contra Indicações É necessário ter em conta que algumas pessoas apresentam algumas reações indesejadas em contato com a Castanha da Índia como a coceira (Ler: Coceira Vaginal), irritações cutâneas, podendo até ser tóxica ao fígado e cérebro e potencializar o efeito anticoagulante. Por isso é aconselhável antes de consumir a Castanha da Índia consultar o seu médico, dizer-lhe os sintomas que apresenta e informar-se para o seu caso específico se pode ou não ser útil.

CHÁ DE CASTANHA DA INDIA EM PÓ

CHÁ DE CASTANHA DA INDIA EM PÓ Castanha-da-Índia: planta medicinal utilizada em caso de pernas pesadas ou hemorróidas. Pode ser encontrada em cremes, cápsulas ou comprimidos. Nomes Nome em português: Castanha-da-Índia Nome latim: Aesculus hippocastanum Nome inglês: horse chestnut Nome francês: Marron d'Inde, Marronnier d'Inde Nome alemão: Rosskastanie Nome italiano: ippocastano, castagno d'India Família Hyppocastaniaceae Constituintes Triterpene saponinas [aescina], flavonóides. Partes utilizadas Cascas ou grãos. Efeitos da castanha-da-Índia Aumento da resistência capilar, flebotrópico, adstringente, antiinflamatória. Indicações da castanha-da-Índia Pernas pesadas, edemas, varizes, hemorróidas, equimoses. Efeitos secundários Desconhecemos Contra-indicações Desconhecemos Interações Desconhecemos Preparações à base de castanha-da-Índia - Comprimidos à base de castanha-da-índia - Cápsulas à base de castanha-da-índia - Decocção de castanha-da-índia Onde cresce o castanheiro da Índia? O castanheiro da Índia cresce na Europa. Observações Esta planta é às vezes criticada pois há dúvidas quanto à sua eficácia, uma vez que esta é difícil de ser comprovada, sobretudo por se tratar de um problema como as pernas pesadas. Ressaltamos que outras medidas podem ser associadas ao uso de remédios à base de castanha-da-Índia, como por exemplo, a prática de exercícios físicos (que favorecem a circulação sangüínea) e a adoção de uma alimentação saudável (rica em frutas e legumes).

CHÁ CASTANHA DA INDIA COMPANHIA DA MATA

CHÁ CASTANHA DA INDIA COMPANHIA DA MATA CASTANHA DA ÍNDIA Usos Tradicionais: edema, flebite, fraqueza capilar, hemorróidas, inchaços, reumatismo, ulceras, varizes. Propriedades Medicinais: adstringente, antiinflamatória, estimulante circulatório, expectorante, febrífugo, narcótico, nutritivo. A Castanha-da-índia ajuda na melhora dos movimentos, fortalece as veias e diminui a permeabilidade dos vasos capilares. A saponina presente na planta (aescin) inibe a inflamação em células, sem prejudicar a fagocitose. Tradicionalmente, a folha e a casca da Castanha-da-Índia são usadas para fazer um chá para o tratamento de hemorróidas e varizes. Aplicada em forma de compressas ou cataplasmas para o tratamento de hemorróidas, varizes, inchaços, feridas e reumatismo. Também é acrescentada como ingrediente em cremes para rugas. A Castanha-da-Índia não deve ser confundida com as outras castanhas comestíveis, apesar de já ter sido utilizada como alimento animal. Já foi usada para tratar tosses de cavalo. A Castanha-da-Índia é composta quimicamente saponinas, glicosídeos (esculina e fraxina), hidroquinona, taninos e flavonas. É utilizada em pequenas dosagens, e as nozes cruas e sem tratamento não podem ser aproveitadas. Não deve ser utilizada durante a gravidez ou por pessoas com doenças renais ou hepáticas. Só deve ser utilizada com o acompanhamento de um profissional da saúde.

Conheça historias de quem emagreceu