------------------------

cha de funcho.

Beneficios do funcho
É rico em fibra, vitaminas, proteínas, gorduras e hidratos de carbono. Abre o apetite, é estimulante e digestivo, aumenta o leite nas mães. A infusão da raiz dessecada do funcho, tomada três vezes por dia, combate a diarreia.
A infusão de raízes frescas tem efeitos diuréticos. Em infusão, as sementes combatem a tosse; não se deve exceder o consumo, pois pode provocar aborto. O cataplasma dissolve as obstruções dos seios e torna-os elásticosA infusão é vermífuga e faz dormir as crianças. Em cataplasma cura as dores de barriga. É antiespasmódico, estimulante e anti-reumático. Com as sementes em infusão eliminam-se gases intestinais. O cozimento da raíz ajuda a eliminar liquidos e actua como relaxante muscular; é expectorante, pelo que alivia a tosse crónica.
O chá de funcho usa-se tambem para evitar flatulência à semelhança do endro, coentro, anis, salsa e aipo silvestre. Fortifica os nervos; usa-se em casos de asma e inflamações dos olhos; é aromático e digestivo. Contém água, glúcidos, lípidos, proteínas, fíbra, vitamina A, B, e C, cálcio, ferro, fósforo, potássio (276 mg), cobre, sódio (141 mg) e zinco.

------------------------

Chá de funcho, um santo remédio.

Chá de funcho, um santo remédio

O funcho, também conhecido por anis-doce, erva-doce, maratro, finóquio ou fiuncho, é uma umbelífera fortemente aromática utilizada na culinária, na perfumaria, como aromatizante e na fabricação de bebidas espirituais. O funcho é nativo da bacia do Mediterrâneo, com variedades na Macaronésia e no Oriente Médio, onde ocorre no estado silvestre, mas é hoje cultivado sob diversas formas e em todas as regiões de clima temperado e subtropical.
As suas raízes são consideradas como tendo propriedades diuréticas, sendo por esta razão comercializadas pelas ervanárias. O chá de semente de funcho é eficiente na redução de gases intestinais, inclusive na primeira infância, além de estimular o apetite e a digestão. Como infusão, as sementes combatem a tosse. O consumo não deve ser excessivo em mulheres grávidas, uma vez que pode provocar aborto.
O funcho também pode ser utilizado como antiespasmódico, estimulante, antirreumático, vermífuga e melhora a qualidade do sono, além de evitar flatulência e de atuar como relaxante muscular. Contém água, glúcidos, fíbra, vitamina A, B, e C, cálcio, ferro, fósforo, potássio, cobre, sódio e zinco.

------------------------

FUNCHO - Foeniculum vulgare.

FUNCHO - Foeniculum vulgare
O funcho, também conhecido por erva-doce, anis-doce, maratro ou finóquio, ou fiuncho, que é o nome vernáculo dado à espécie herbácea Foeniculum vulgare Mill (sinónimo taxonómico de Anethum foeniculum L. e de Foeniculum officinale L.) é uma umbelífera fortemente aromática comestível utilizada em culinária, em perfumaria e como aromatizante na fabricação de bebidas espirituosas e planta medicinal. O funcho é nativo da bacia do Mediterrâneo, com variedades na Macaronésia e no Médio Oriente, onde ocorre no estado silvestre, mas é hoje cultivado, sob diversas formas varietais, em todas as regiões temperadas e subtropicais. Dado o seu cheiro a anis, a planta é, por vezes, confundida com a Pimpinella anisum (o anis), uma espécie aparentada, mas muito diferente.

INDICAÇÃO: Chá de funcho >>> Gases, digestivo, relaxante, estimula a secreção de leite, azia, câimbra, cólica, diarréia, dismenorréia, espasmo, estômago, fígado, menstruação irregular, tosse e vômito.

COMO FAZER: Coloque 2 colheres de sopa de erva para um litro de água, quando a água alcançar fervura, desligue. Tampe e deixe a solução abafada por cerca de 10 minutos. Em seguida, é só coar e beber.

COMO BEBER: Tomar 2 a 3 xícaras ao dia.

------------------------

Benefícios do chá de funcho.

Benefícios do chá de funcho

Erva doce

O chá de funcho, que também é chamado de anis, erva doce, maratro, etc. é largamente utilizado na perfumaria, na culinária e como aromatizante. É extremamente aromático e possui propriedades muito benéficas ao nosso organismo de modo geral.
A planta é originária do Mediterrâneo, mas é cultivada em várias regiões de clima temperado ou subtropical. No Brasil, é uma das ervas mais utilizadas, seja em chás ou na indústria cosmética. Suas raízes tem propriedades diuréticas, portanto, muito utilizadas em infusões para evitar o acúmulo de líquidos no organismo.

As sementes de funcho, costumam ser usadas em chás para combater os gases intestinais e muita gente o oferece para bebês e crianças pequenas. Também é muito conhecido popularmente, por tratar mães que amamentam, aumentando a produção de leite e passando para o bebê através deste, protegendo-o de cólicas. Ele é apropriado para tratar indigestão e estimular o apetite e as sementes também podem ser usadas em infusões para combater a tosse, afrouxar o catarro da garganta, etc.
Outras propriedades do funcho

antiespasmódico;
estimulante;
relaxante;
vermífugo;
antirreumático;
relaxante muscular;
evita flatulência;
ajuda a melhorar a prisão de ventre;
previne mau hálito.
A planta ainda apresenta em sua composição: vitaminas A, B e C, água, glúcidos, fibras, sódio, ferro, potássio, cálcio, zinco e cobre. Na indústria cosmética, a conhecida erva doce tem sua suave e delicada fragrância utilizada em diversos produtos, como sabonetes, cremes para mãos, corpo e também em xampus e até desodorantes. Suas muitas propriedades e vitaminas, fazem dessa erva medicinal uma das preferidas para tratamentos de cabelos e pele.

------------------------

Chas

  • cha verde emagrece

    Chas


    Noticia painel seguro