------------------------

Efedrina.

Efedrina
A efedrina é uma substância encontrada em alguns remédios para emagrecer. Porém, ela provoca vários efeitos colaterais
A efedrina é uma substância retirada do extrato vegetal da planta chinesa chamada Ma-Huang e está presente em alguns medicamentos usados por pessoas com doenças nos brônquios, hipotensão e broncoespasmos e também em remédios para emagrecer através da aceleração do metabolismo que causa o aquecimento corporal que gera a queima de gordura. Porém, seu uso continuado pode causar sérios efeitos colaterais. Sendo assim, conheça melhor a efedrina para optar em usá-la ou não para conseguir o corpo dos seus sonhos.

------------------------

Efedrina emagrece?

Efedrina emagrece?

EfedrinaA efedrina é encontrada em medicamentos como o Franol, que contém 15 gramas da substância e o Marax, com 25 gramas. Esse composto acelera o metabolismo através de estímulos cerebrais. Com isso, o corpo se aquece e, por isso, queima gorduras. Portanto, a efedrina coopera para o emagrecimento.

Entretanto, no Brasil, a venda desses remédios para emagrecer foi proibida pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) devidos aos vários efeitos colaterais causados por eles no organismo humano. Portanto, mesmo que você saiba onde comprar a efedrina sem receita, pense bem, pois as consequências podem péssimas para a sua saúde.

Quantos quilos posso perder?

A quantidade de quilos que pode ser queimada com o uso da efedrina depende da dosagem utilizada e do esforço de cada paciente com a alimentação equilibrada e atividades físicas regulares.

------------------------

Os mitos e verdades da efedrina.

Os mitos e verdades da efedrina
Apesar de proibida no Brasil, a efedrina ainda é facilmente encontrada no mercado ilegal e usada para dar um pique nos treinos.
Mundialmente famosa por casos de doping no esporte, o mais célebre deles o de ''El Pibe'' Diego Armando Maradona da Copa do Mundo de 1994, a efedrina é uma substância de venda proibida no Brasil desde 2003. Mas, como todas as drogas que tenham um público comprador assíduo, não é uma tarefa impossível se encontrar vendedores.

E não à toa a efedrina é tão popular entre os frequentadores de academias: ela realmente mexe com o organismo, tanto para o lado bom quanto para o ruim, fato que explica as dúvidas de quem ainda (ilegalmente) ingere produtos com a substância. Porém, não é difícil compreender como ela age para fazer de qualquer amador um verdadeiro superatleta.

"A efedrina é uma droga que estimula o aumento da frequência cardíaca e o débito cardíaco (volume de sangue bombeado), e aumenta a resistência periférica, o que pode elevar a pressão arterial. Além disso, ela é um potente estimulante do Sistema Nervoso Central, sendo que após sua administração oral, seus efeitos podem persistir por várias horas. É eliminada na urina em sua forma íntegra", aponta Reinaldo Abunasser Bassit, professor de Educação Física na Total Nutrition, nutricionista e atleta amador.

Mas, além do pique para os treinos, a efedrina tem outra faceta adorada por quem pretende perder peso: a queima de gordura por termogênese. "De fato, a efedrina, entre outras, parece ser uma droga que apresenta o melhor efeito na produção do aumento do gasto calórico através do processo denominado de termogênese (produção de calor), que de forma grosseira significa "queimar" gordura para produzir calor", explica Reinaldo.

Sim, esses são os lados bons da efedrina como ferramenta para perder peso e ganhar pique para atividades físicas. Mas, como quase tudo na vida, existe o lado negro da Força: e no caso da efedrina, nem mesmo Darth Vader conseguiria ser tão perigoso. Conheça seus efeitos colaterais.

------------------------

Efedrina, Cafeína e Aspirina.

Efedrina, Cafeína e Aspirina
A Efedrina, é uma velha conhecida do homem. Há séculos seu uso com fins terapêuticos já era disseminado entre os chineses, que utilizavam o extrato da planta desidratada (chamada de Ma huang) para o tratamento de afecções respiratórias. Na medicina moderna, a efedrina já foi usada como descongestionante nasal, broncodilatador e vasopressor, porém, o uso terapêutico desses alcalóides tornou-se restrito por haver dúvidas quanto ao seu perfil de segurança.
Sim, a Efedrina deriva de uma planta, é um composto químico cristalino, encontrada em certas plantas da família das efedráceas.
Efedrina é o principal ingrediente para tanto a queima de gordura e aumento da energia. Embora seja muito eficaz por si próprio, combinando-a com a cafeína faz com que seja ainda mais. Como é que é eficaz? Quando usado corretamente pode acelerar bastante o processo de queima de gordura e você vai perder os quilos indesejados. Mas antes de você sair e comprar existem algumas coisas que você precisa saber sobre.
Junto com efedrina a queima de gordura vai tentar queimar o músculo suado também. A melhor forma de combater a perda de gordura é complementar com proteína ao longo do dia – não apenas uma ou duas vezes por dia, como é normalmente o caso.
Efedrina também atua como um supressor do apetite. Como isso funciona não é totalmente compreendido, mas isso ajuda na perda de peso também. Infelizmente, estes efeitos duram apenas por um par de semanas, se o ciclo não é repetido porque o corpo se tornar tolerante de efedrina em certa medida.
Efedrina age para aumentar a energia, agindo sobre o cérebro para aumentar a liberação de nonadrenalina na fenda sinaptica, e também funciona como um inibidor da recaptação da nonadrenaline devido à ação compartilhada entre os dois terminais.
Na maioria dos casos o ECA é tomado duas ou três vezes por dia, em uma razão de 01:10:10 ou 01:10:15 de efedrina: cafeína: aspirina. Estas prorporções variam entre os estudos e entre os usuários, mas, apesar das diferenças que parecem ser eficazes. Não mais do que 25 mg de efedrina, 200mg de cafeína e 325 mg de aspirina deve ser tomada numa dose única e porque a ECA pode contribuir para a insónia, não deve ser tomada a noite.
Apesar de efedrina e aspirina não serem a cafeína é viciante, e os usuários podem desenvolver uma tolerância a diminuição dos níveis de adenosina e isso pode levar a sintomas de abstinência de sensibilidade da adenosina se o uso de cafeína for interrompido muito rapidamente. Também é possível desenvolver uma dependência psicológica a efedrina e aspirina.
O fator de risco mais grave da ECA é a efedrina ter efeito sobre uma condição cardíaca pré-existente. Ela tem sido associada à morte em pessoas com danos na válvula, a hipertrofia cardíaca e outros problemas do coração. Estimulantes não devem ser tomados por qualquer pessoa com um problema cardíaco. Existe também evidência que mostra que o uso a longo prazo de anfetaminas pode levar a danos no coração, mas isso não tem sido mostrado para ser utilizado efedrina.
O uso de efedrina e cafeína também pode aumentar a pressão arterial, assim os usuários que já têm hipertensão precisa ter cuidado para que a ECA não aumente a sua pressão arterial a níveis perigosos – especialmente durante o exercício. A coisa boa é que a presença da aspirina na pilha faz a afinar o sangue e neutraliza esta parcialmente.
REAÇÕES ADVERSAS OU CONTRA-INDICAÇÕES
Insônia, irritabilidade, boca seca, estresse, dor de cabeça, tontura, batimento cardíaco irregular e aumento da sede são alguns dos outros efeitos colaterais da ECA. A Efedrina tem sido associada à morte causando muitos países a proibir ou controlar. O risco de efedrina tem causado muitas pessoas a tentar "efedrina livres" . Não há qualquer prova de que qualquer uma destas fórmulas são eficazes, mas uma grande quantidade de evidência que suporta a eficácia da ECA, mas com riscos

------------------------

Emagrecedores

Emagrecedores

Emagrecedores

  • Bioslim quitosana

  • droga para epilepsia uso emagrecedor

  • Emagrecedor ACELERADOR METABÓLICO

  • Emagrecedor Bio Redux

  • Emagrecedor BLOQUEADOR DE GORDURAS

  • Emagrecedor carulluma

  • Emagrecedor chá verde

  • Emagrecedor CHIA Com OMEGA 3

  • Emagrecedor linolen

  • Emagrecedor MAX BURN GREEN


    Noticia painel seguro