------------------------

Fentermina Supressor de apetite.

A pandemia da obesidade e de suas complicações continua aumentando inexoravelmente, mas nosso arsenal terapêutico para combater esta doença continua extremamente limitado. A terapia farmacológica para tratamento da obesidade vive um período de transição, graças ao maior conhecimento da "maquinaria homeostática" de regulação do peso corporal.
O grande problema é que as substâncias que regulam a fisiologia têm múltiplas ações no nosso organismo e, quando "brincamos de Deus", alterando a fisiologia, podemos ocasionar efeitos indesejáveis - haja visto o que ocorreu com o bloqueio do receptor canabinoide.

Estima-se que existam mais de 150 novos agentes, em várias fases de desenvolvimento, muitos deles em estudos clínicos de fase 3. O tempo que decorre para se chegar a esta fase é de 8 a 10 anos, a um custo estimado de 1,7 bilhão de dólares. Em virtude do grande número de novas drogas em estudo, optamos pela descrição resumida daquelas mais pesquisadas, das que estão em fases mais avançadas de avaliação ou que apresentam um grande potencial para se estabelecerem como novas terapias.

Lorcaserina (APD-356) - Existem 14 receptores diferentes para a serotonina. A Lorcaserina é um agonista subtipo seletivo com afinidade 100 vezes maior para o receptor 5-HT2C, que ativa os neurônios que expressam a POMC. Os estudos de fase III - BLOOM (3182 pacientes) e BLOSSOM (4008 pacientes), com duração de 52 semanas, nos quais se utilizou 10 mg de Lorcaserina duas vezes ao dia - mostraram uma perda média de peso de 8,2% no grupo da droga ativa, versus 3,4% no grupo placebo. A fenfluramina, de saudosa memória, é um agonista do receptor 5-HT2B que foi retirada do mercado mundial por provocar lesões de válvulas aórtica e mitral. As avaliações ecográficas feitas nos estudos com a lorcaserina não mostraram qualquer alteração valvar.

------------------------

fentermina + topiramato.

fentermina + topiramato
Obesidade: Comitê dos EUA apoia nova droga contra a obesidade.
O parecer positivo dado pelo comitê consultivo poderá influenciar a decisão do FDA para a aprovação da nova droga. A decisão final deverá ocorrer em abril.
O FDA, agência americana que regula medicamentos e alimentos, poderá aprovar uma nova droga para combater a obesidade — a primeira em 13 anos. O remédio, conhecido como Qnexa, teve parecer positivo nesta quarta-feira após análise do comitê consultivo do governo, formado por endocrinologistas e especialistas em doenças metabólicas.
Após analisarem novos dados fornecidos pela empresa farmacêutica Vivus Inc., 20 especialistas votaram a favor da droga quando questionados sobre a avaliação do risco-benefício geral da droga. Apenas dois membros do painel foram contra a aprovação. O resultado aumenta as chances de que o FDA aprove a venda da droga. A decisão final deverá sair até o dia 17 de abril.
Em 2010, o FDA rejeitou por 10 votos a 6 o Qnexa devido aos riscos apresentados pelo produto. O Qnexa concentra a combinação de duas drogas: fentermina, utilizada como inibidor de apetite, e topiramato, um medicamento anticonvulsivo que aumenta a sensação de saciedade. O medicamento é capaz de promover entre 6% e 10% a perda do peso corporal em pacientes com sobrepeso e obesidade.
O problema apontado pelo FDA é que o medicamento pode aumentar o risco de lábio leporino em crianças nascidas de mães que tomaram a pílula durante a gravidez. Na carta de rejeição enviada à empresa há dois anos, o FDA solicitou mais informações sobre os riscos cardiovasculares da droga e a possibilidade de malformações de bebês expostos à droga durante a gestação.
O objetivo da Vivus Inc. é conseguir a aprovação da pílula, que seria utilizada uma vez por dia em homens e mulheres com índice de massa corporal (IMC) acima de 30 ou em pacientes com sobrepeso (IMC acima de 25) e doenças relacionadas à obesidade, como hipertensão, diabetes ou colesterol alto. A droga não é indicada para a perda de peso meramente estética.

Opinião do especialista - Alfredo Halpern: professor da Faculdade de Medicina da USP e autor do livro Pontos para o gordo.
"É uma notícia fantástica. Até que enfim vamos ter um novo remédio aprovado contra a obesidade. Os estudos clinicos mostram que esse remédio traz resultados muito bons para a perda de peso, até um pouco melhores que o da sibutramina.

------------------------

Remédio para emagrecer Qsymia.

Remédio para emagrecer Qsymia
O Qsymia (phentermine/topiramate) foi o primeiro remédio para emagrecer liberado para comercialização, nos Estados Unidos, pelo FDA, nos últimos 13 anos.

Entretanto, desde o início de sua comercialização, em setembro de 2012, o retorno financeiro tem sido decepcionante.

Apesar da Vivus Inc., indústria farmacêutica que desenvolveu o Qsymia, afirmar que a lentidão das vendas faz parte de sua estratégia de marketing, todos respiraram aliviados ao saber que o FDA ampliou os canais de venda do remédio em abril de 2013.

Até então, a venda do Qsymia, uma associação da Fentermina com o Topiramato, estava restrita a farmácias certificadas pelo FDA com envio exclusivamente por correio.

Agora, o Qsymia poderá ser adquirido em todas as redes de farmácias existentes no território americano.

------------------------

fentermina topiramato sem receita!

fentermina topiramato sem receita!
Em Julho de 2012 os EUA aprovam o uso do Qnexa para o emagrecimento! Após ser aprovado o Belviq, um mes depois o FDA (orgam que regulamenta esse tipo de remedio nos Estados Unidos da America) resolveu aprovar também o Qnexa!
Ele havia sido reprovado a alguns anos atrás por oferecer alto risco de problemas cardiovasculares, porém, com mais alguns anos de pesquisa, foi possivel desenvolver essa nova formula que foi aprovada pelos orgãos regulamentadores.

é um inibidor de apetite e estimulante da anfetamina e classe feniletilamina. O topiramato é um anticonvulsivante que tem efeitos colaterais de perda de peso. É claro, não basta apenas tomar o remédio, é necessário também fazer uma dieta balanceada, ingerir frutas, verduras e vegetais. Além disso, é muito importante fazer exercícios físicos para ficar cada vez mais em forma.

------------------------

Emagrecedores

Emagrecedores

Emagrecedores

  • Bioslim quitosana

  • droga para epilepsia uso emagrecedor

  • Emagrecedor ACELERADOR METABÓLICO

  • Emagrecedor Bio Redux

  • Emagrecedor BLOQUEADOR DE GORDURAS

  • Emagrecedor carulluma

  • Emagrecedor chá verde

  • Emagrecedor CHIA Com OMEGA 3

  • Emagrecedor linolen

  • Emagrecedor MAX BURN GREEN


    Noticia painel seguro