------------------------

Cranberry.

Cranberry: o fim da infecção urinária
Arbusto pequeno originário da América do Norte, o cranberry era usado por tribos indígenas como alimento, em cerimônias e como medicamento. A planta dá origem a um fruto vermelho bastante ácido atualmente usado para consumo direto ou na culinária. No Brasil, o mais comum é o consumo do suco.

Outros nomes do cranberry
Oxicoco, arando-vermelho, mirtilo-vermelho, airela.

Principais nutrientes do cranberry
O cranberry é rico em proantocianidina, substância apontada por estudos como sendo de 15 a 25 vezes mais potente do que a vitamina E para inibir a aderência de bactérias do tipo E.coli na mucosa da bexiga, combatendo infecções do trato urinário. A fruta ainda é composta pelas vitaminas C e E, mas tais nutrientes se tornam pouco significativos dentro de uma dieta que respeite a recomendação diária de ingestão do alimento. O cranberry ainda oferece substâncias antioxidantes, como os flavonoides e ácidos fenólicos ao organismo.

------------------------

Benefícios do cranberry.

Benefícios do cranberry
O principal destaque do cranberry é a crescente evidência de sua eficácia na prevenção de infecções do trato urinário, como a cistite. A fruta também é utilizada por pacientes com bexiga neurogênica, doença do sistema nervoso ou de nervos envolvidos no controle da micção, assim como por pessoas que sofrem de incontinência urinária com o objetivo de desodorizar a urina.

Algumas pessoas usam cranberry para aumentar o fluxo de urina, matar germes, acelerar a cicatrização da pele e baixar a febre. A ingestão da fruta ainda é comum entre portadores do diabetes tipo 2, da síndrome da fadiga crônica, do escorbuto, da pleurisia, de câncer e de doenças cardiovasculares pelo alto teor de antioxidantes nela presentes.

Estudos mostram ainda que a presença de proantocianidinas é capaz de impedir a fixação da bactéria Helicobacter pylori na mucosa estomacal, evitando, assim, gastrites e úlceras. Há evidências também de que o cranberry seja capaz de barrar a colonização de bactérias periodontopatogênicas, causadoras da placa bacteriana.
Contraindicações para o consumo de cranberry

Suco de cranberry é o tipo mais consumido no Brasil
O consumo de cranberry é seguro para a maior parte das pessoas, desde que a ingestão não ultrapasse a quantidade diária recomendada (480 ml). Para gestantes e mulheres no período de aleitamento só não é recomendada a ingestão de suplementos de cranberry, pois não se sabe se eles são seguros para este público.

------------------------

contra infecção urinária cranberry.

Usado por índios contra infecção urinária, "cranberry"
s índios norte-americanos já usavam a fruta para prevenir e tratar doenças do trato urinário há séculos e isso sempre intrigou os cientistas que começaram a pesquisar seus poderes
O cranberry está começando a ficar conhecido no Brasil onde ganhou o nome de oxicoco e é encontrado em cápsulas e sucos em supermercados. É uma das três frutas nativas dos Estados Unidos, ao lado do blueberry (mirtilo) e da concord grape (um tipo de uva escura), e é considerada poderosa por uma série de possíveis benefícios que traria à saúde.

Entre eles, os mais comentados são seu efeito antioxidante e o poder de combater infecções urinárias. Porém, os estudos ainda não confirmam sua eficácia e enquanto alguns profissionais recomendam seu uso, outros acham prematuro indicá-la.

"Os índios norte-americanos já usavam a fruta para prevenir e tratar doenças do trato urinário há séculos e isso sempre intrigou os cientistas que vêm estudando os potenciais benefícios do suco de cranberry para a saúde nos últimos anos", diz Edson Credidio, médico nutrólogo, clínico geral-pesquisador e doutor em Ciências de Alimentos pela Unicamp.

Ele conta que o suco combate cistites e infecções urinárias porque a fruta possui uma substância que impede a adesão das bactérias nas paredes da bexiga, em especial a Escherichia coli, maior causadora das cistites.

Mas, cuidado, engana-se quem pensa que o suco equivale a um medicamento: "Na maioria dos casos deve-se tratar as infecções urinárias, após a realização de exame de urina e urocultura, e utilizar o cranberry na prevenção de recidivas de infecções do trato urinário", ensina o médico.

Questão em aberto

Já Daher Chade, urologista do Instituto do Câncer de São Paulo, discorda: "Apesar de haver estudos científicos, antigos, mostrando discreta redução na incidência de infecção urinária com o uso de cranberry, infelizmente, os mais recentes e de maior nível de evidência não mais comprovaram a utilidade no uso deste produto para evitar ou tratar infecção urinária, tanto em forma de suco como em cápsulas".

Fernando Almeida, urologista da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), diz que pesquisas que começaram por volta de 2001 demonstraram que houve diminuição de casos de cistites recorrentes (cinco casos por ano) em mulheres que tomaram o suco. Porém, ele admite: "Os benefícios do cranberry para o trato urinário não é uma questão fechada".

Ele cita pesquisas do Centro de Pesquisa de Evidências Científicas Cochrane que, após análise de alguns estudos mais recentes, avaliou que não há comprovações para se recomendar o uso do suco de cranberry nos tratamentos de cistite. "Eu não recomendo o produto. Além disso, não acho que seja um suco que agrade ao paladar do brasileiro e é caro, porque é importado. Talvez, ofereça algum benefício, mas seria pequeno".

Poder antioxidante

Credidio lembra que, como as demais frutas vermelhas (morango, cereja, framboesa e mirtilo), o cranberry contém vitaminas A, C e D, além de flavonoides, fitoquímicos com poderes antioxidantes. "Ele também contém muitos polifenois que protegem o coração e reduzem o colesterol no sangue, inclusive o famoso resveratrol", diz.

Chade concorda em partes: "Cranberry apresenta propriedades antioxidantes e, como outras 'berries', é conhecido por diminuir a incidência de doenças cardiovasculares e prevenir o câncer em estudos laboratoriais. Porém, não existem estudos demonstrando esta eficácia no uso clínico para tornar seu consumo uma recomendação".

------------------------

Cranberry a fruta milagrosa.

Cranberry a fruta milagrosa que ajuda na prevenção da infecção urinária
Estudos apontam ainda que a cranberry tem efeito antioxidante e retarda o envelhecimento; há indícios de que a fruta também pode diminuir a incidência de doenças cardiovasculares e prevenir o câncer.

Cerca de 30% a 50% das mulheres já tiveram algum problema de infecção urinária depois do início da vida sexual. Nos homens, doenças relacionadas à próstata e alterações hormonais são responsáveis pelo aumento de incidência de infecções. Há algum tempo, cientistas de universidades renomadas, como a norte-americana Harvard, têm estudado uma pequena fruta vermelha chamada cranberry na prevenção dessa doença.

A fruta, nativa dos Estados Unidos e cultivada também no Canadá e Chile, começou a chamar a atenção dos médicos depois que eles descobriram que índios norte-americanos utilizavam a cranberry para tratar sintomas de uma doença que parecia ser infecção urinária. A fruta já era conhecida dos norte-americanos desde pelo menos o início o Século 17, quando passou a integrar o cardápio do Dia de Ação de Graças. Mas foi apenas na década de 1980 que as primeiras pesquisas começaram a descobrir o potencial da cranberry na prevenção de infecção urinária. Desde então, inúmeras pesquisas foram feitas com o objetivo de descobrir qual o total de benefícios que a cranberry pode proporcionar ao ser humano.

De acordo com o urologista Carlos Alberto Bezerra, presidente do Núcleo Brasileiro de Uroginecologia e professor da Faculdade de Medicina do ABC, em São Paulo, a infecção urinária é uma das principais causas de consultas em consultórios médicos, ambulatórios e pronto-socorros no Brasil e no mundo. Segundo Bezerra, as infecções são mais comuns em mulheres, na proporção de três para um, considerando-se a população geral. "As mulheres têm três períodos da vida nos quais as infecções são mais frequentes: ao sair da fralda, ao iniciar a vida sexual e ao entrar no período pós-menopausa. Além disso, a infecção urinária ocorre por penetração de bactéria pela uretra, e os homens, por terem uretra mais longa, são naturalmente mais protegidos", explica o médico.

Segundo o especialista, há estudos que revelam que tomar o suco de cranberry como prevenção da infecção urinária é igual a tomar um antibiótico no esquema de profilaxia usual (com antibióticos em dose baixa). As informações estão disponíveis em congressos médicos e a literatura técnica recente também contém dados confiáveis e livres de conflitos de interesse, que estão acessíveis à comunidade médica em todo o mundo e inclusive no Brasil

"Existem diversas pesquisas que sugerem benefício da cranberry na prevenção da infecção urinária", afirma Bezerra. "Basicamente, o que se tem demonstrado é que mulheres com infecção urinária de repetição e que tomam o suco da fruta regularmente têm menos repetição da doença do que as que não tomam nada", complementa. Bezerra é um dos que indica aos seus pacientes o suco de cranberry na prevenção e como adjuvante no tratamento das infecções urinárias. O presidente do Núcleo Brasileiro de Uroginecologia observou que aqueles pacientes que tomam o suco diminuem o número de consultas por ano no seu consultório.

O fato de a fruta ser rica em propriedades antioxidantes a faz ser consumida também com outras finalidades. "A substância ativa do cranberry é a proantocianidina (PAC). Esta substância, além de impedir que as bactérias fiquem aderidas no epitélio (revestimento mucoso) do trato urinário, tem efeito antioxidante, semelhante ao dos flavonóides", diz. Segundo o médico, ainda há hipóteses de que a fruta pode ter efeito antienvelhecimento, diminuir a probabilidade de doenças cardiovasculares e até prevenir o câncer.

No Brasil, o suco de cranberry é comercializado desde 2007 pela empresa Juxx. O suco Juxx de cranberry foi o primeiro a receber a chancela da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), que afere sua qualidade e propriedades fitoterápicas. O suco Juxx de cranberry é feito a partir do concentrado da fruta que vem congelado do Chile.

------------------------

Suplementos

  • RIPP ABS

    Suplementos


    Noticia painel seguro