------------------------

MAXBURN.

Max Burn – Uma fraude ou é algo incrível?
A primeira versão do Max Burn não era nada boa. Na verdade, eu diria que era um roubo e uma farsa.

A empresa que produzia o Max Burn original foi proibida de vender o produto e eles acabaram saindo do mercado.

A fórmula foi refeita a fim de cumprir devidamente com os regulamentos nacionais de saúde.

Essa segunda versão do Max Burn é muito melhor que a versão anterior – com milhares de pessoas relatando resultados incríveis. De fato, muitas pessoas não tiveram nenhum efeito colateral após consumirem a nova fórmula.

Apenas certifique-se de comprar da fonte oficial, porque existem muitos websites online que estão tentando vender a versão antiga pela internet. Então não desperdice o seu dinheiro. Se você quer comprar a versão real, você comprá-la aqui. Veja cenaless vez.

As pessoas usando a nova versão perderam algo entre 2,33 e 15,54% da gordura corporal, com a maioria do peso saindo da coxa, bumbum e abdome.

A nova fórmula torna isso possível combinando a habilidade de reduzir o desejo de comer, limpar o seu sistema para que o seu corpo possa perder peso naturalmente e aumentando os seus níveis de energia.

A ótima notícia é que se você não estiver feliz com a nova fórmula do Max Burn, se você comprar do site oficial: Clique aqui, você consegue 100% do seu dinheiro de volta.

Lembre-se, se você realmente quer ter uma aparência incrível, você precisa se exercitar e comer de forma saudável. Você pode conseguir a sua cópia grátis do livro "Dieta de Rockstar", que vai dar a você um plano incrível e fácil de seguir para perda de peso, que vai realmente ajudar você, comprando ou não a nova versão do Max Burn.

------------------------

como funciona MaxBurn.

Quando você encomenda a sua primeira remessa de MaxBurn, você ganha uma inscrição automática para obter acesso gratuito ao nosso programa de exercícios online criado por personal trainers. Essas informações são exclusivas para os associados do programa de Perda de Peso MaxBurn e não estão disponíveis para o público em geral. Em combinação com um programa de alimentação saudável, uma rotina de exercícios e ingestão de muita água, o MaxBurn ajudara você a reconquistar o seu corpo magro com mais facilidade e rapidez.

Assim que receber seu primeiro pedido, confira o nosso Centro de Recursos de Saúde online. As sugestões oferecidas ali ajudarão a garantir o seu êxito. Você encontrará programas de exercícios personalizados, planos de dieta, sistemas de monitoramento de preparo físico e muito mais.

O MaxBurn fornece totalmente gratis como bonus um sistema de administração do peso rápido e eficaz. Faça o seu pedido agora para começar a redescobrir o seu verdadeiro eu.

------------------------

Anvisa proíbe venda de emagrecedor Max Burn.

Anvisa proíbe venda de emagrecedor Max Burn
A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) anunciou nesta quarta-feira (1º) a proibição da venda de lotes do produto "Max Burn", um emagrecedor.

Os lotes produzidos pela empresa Hilê Indústria de Alimentos Ltda e distribuído pela empresa Nutralogistic Comércio e Representação Ltda foram proibidos por apresentar no rótulo o número de registro 6.5330.0019.001-3, não aprovado para a marca.
Segundo a Agência, "a informação induz o consumidor a um engano em relação ao registro do produto na Agência. Os produtos não devem ser consumidos ou comercializados"

------------------------

Anvisa proíbe venda de Max Burn, divulgado como emagrecedor.

Anvisa proíbe venda de Max Burn, divulgado como emagrecedor
A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu nesta quarta-feira a produção e venda do produto Max Burn fabricado pela empresa Hilê Indústria de Alimentos.

Denúncias recebidas pela agência ligaram o MaxBurn --divulgado na internet como potente emagrecedor-- ao produto "psyllium e quitosana com biotina sabor menta em cápsula" registrado pela Hilê.

A empresa tem autorização na Anvisa para comercializar essa substância sob nomes como "Nutralogistic", "Mega 21" e "Sete Semanas".

O problema, explica a Anvisa, é que foram negados pedidos da Hilê para que o produto fosse vendido com nomes que podem induzir o consumidor a pensar que o alimento (como é considerado pela agência) tem ação emagrecedora.

Entre as marcas negadas à Hilê estão MaxBurn, Fatburn, Ultraslim e Dieta Show, informou a Anvisa.

"Pode-se considerar que o alimento em questão está devidamente registrado na Anvisa. Entretanto deve-se considerar que a empresa incorre em irregularidade por divulgá-lo com marca não autorizada por esta agência, o que pode gerar erro ao engano ao consumidor", diz nota da Anvisa.

Em rápida busca na internet, a reportagem encontrou um site de propaganda do Max Burn, que diz: "Uma solução eficaz para muitas mulheres (e homens!) que buscam entrar em forma e afastar de vez as indesejadas gordurinhas. Combinando intensa queima de calorias e um efetivo bloqueio de carboidratos, Max Burn definitivamente é uma das grandes novidades para o verão 2012". O site apresenta o registro de inscrição da Hilê junto à Anvisa.

Segundo a Anvisa, a Hilê fica sujeita a sanções por infração sanitária, como advertência e multa se descumprir a determinação, a A Hilê Indústria de Alimentos.

------------------------

Suplementos

  • RIPP ABS

    Suplementos


    Noticia painel seguro