------------------------

Óleo de Laranja.

Oleo de Laranja
Óleo 100% natural, prensado a frio, obtido de matéria prima com procedência garantida da casca da Laranja – Citrus aurantifolia - Rutaceae

Com isso são conservadas as principais propriedades físico-químicas de cada elemento extraído. Assim como é potencializado as suas características de sabor, cor e aroma.

O Óleo de Laranja apresenta-se como um óleo de cor amarelo, com odor e sabor suave

O oleo de laranja e um subproduto da industria do suco. Extraido da casca, este oleo, de odor citrico muito agradavel, possui diferentes aplicacoes. Sao largamente utilizados na fabricacao de perfumes, sabonetes, massagens (aromaterapia) e materiais de limpeza. Tambem dao o sabor em muitas bebidas e balas. Alem disso, apresenta consideraveis taxas de um poderoso monoterpeno: o d-limoneno. Incolor e oleoso, o d-limoneno se tornou conhecido por prevenir e auxiliar no tratamento de alguns tipos de cancer (como os de prostata, de estomago, de figado, de intestinos, de pancreas, de mama e de pulmao). Mas atencao: como ocorre com a maioria dos oleos citricos, o oleo de laranja e fotossensivel. Portanto nos casos de aplicacoes externas (massagens e outros), deve-se evitar a exposicao ao sol.

BENEFÍCIOS:

- Utilizados na fabricação de perfumes, sabonetes, massagens (aromaterapia) e materiais de limpeza;

- Prevenir e auxiliar no tratamento de alguns tipos de câncer,como os de próstata, de estômago, de fígado, de intestinos, de pâncreas, de mama e de pulmão;

------------------------

Óleo Essencial de Laranja.

Óleo Essencial de Laranja
O Óleo Essencial de Laranja é extraído da casca da laranja doce, tem perfume suave e refrescante. Ele é indicado no tratamento de problemas digestivos, como calmante e como auxiliar no combate a insônia.
Sobre o Óleo Essencial de Laranja
A Laranja é originalmente nativa do Extremo Oriente particularmente da China e da Índia, e, na Europa, seu fruto só passou a ser utilizado para fins medicinais no final do século XVII, uma vez que era tida como uma raridade de custo elevado. É provável que as lendárias "maçãs" de ouro do Jardim das Hespérides fossem, na verdade, Laranjas. A Laranja adaptou-se muito bem ao clima do Mediterrâneo, onde, é claro, cresce abundantemente, assim como na Califórnia, em Israel e na América do Sul.

Os óleos essenciais são extraídos através de pressão simples sobre a parte externa, colorida, da casca, tanto da Laranja-Azeda (Citrus aurantium), como a Laranja-Doce. As propriedades do óleo essencial de Laranja coincidem em grande parte com aquelas de seu parente próximo, o Néroli (obtido a partir da flor-de-laranjeira), sendo antidepressivo, antiespasmódico, digestivo e moderadamente sedativo. É recomendado para diversas finalidades para as quais também o Néroli pode ser adotado.

O óleo de Laranja parece ter um efeito regulador sobre a ação peristáltica dos intestinos, pois é recomendado para o tratamento da prisão de ventre por Paul Duraffourd em Em Forme Tours Les Jours, enquanto em seu 70 Huiles Essentielles, Dominique Sibe menciona a utilidade do óleo de Laranja nos casos de diarréia crônica. Sibe também descreve o óleo de Laranja como valioso no tratamento de espasmos cardíacos, mas tal quadro não se inclui na área de responsabilidade do aromaterapeuta, a não ser que este possua também qualificação médica.

Apesar de suas evidentes propriedades coincidentes com o Néroli, o óleo essencial de Laranja tem um caráter próprio bastante definido, que reflete a diferença que se pode esperar entre o óleo da flor e aquele da fruta, pois o óleo de Laranja tem um aroma mais cálido e vigoroso, impregnado de uma sensação de jovialidade. Parece guardar consigo um pouco da luz solar necessária para seu amadurecimento, razão pela qual é um excelente óleo a ser usado no inverno.

É um óleo bastante revigorante para o uso em banhos durante o inverno, com a importante advertência de que uma quantidade superior a 4 gotas em uma banheira média pode causar irritações de pele. É sempre bom lembrar que não se deve ficar exposto ao sol após o uso de qualquer óleo essencial, principalmente os cítricos (laranja, bergamota, limão, tangerina, entre outros). Caso isso seja necessário, indica-se que se tome um banho para total remoção do óleo essencial.
Combina-se muito bem com praticamente todo óleo de especiarias, sobre tudo com os de canela e cravo.

------------------------

Aromaterapia Óleos Essenciais Laranja.

Aromaterapia Óleos Essenciais Laranja

A Aromaterapia é uma terapia natural para a prevenção e tratamento de várias doenças e sintomas, com a utilização de óleos essenciais puros altamente concentrados. O uso frequente dos óleos essenciais para fins terapêuticos contribui para a promoção e manutenção de um estado de saúde e vitalidade.

Aplicações dos Óleos Essenciais:

1) Inalações com óleos essenciais: é particularmente eficaz no tratamento de problemas respiratórios (tais como gripes e constipações) e no alívio de tensão nervosa e de dores de cabeça.
2) Massagens Aromáticas: ao massajar o corpo com óleos de massagem, podemos combinar eficazmente as propriedades terapêuticas dos óleos essenciais com os efeitos benéficos da própria massagem.
3) Banhos Aromáticos: são particularmente eficazes em casos de lesões e dores musculares, irritações da pele, problemas circulatórios, combate a fadiga e insónias. Excelentes para aliviar as tensões do dia-a-dia.
4) Compressas Aromáticas: consistem em panos embebidos numa mistura de óleo essencial, óleo vegetal e água morna ou fria. As compressas feitas com água morna são muito eficazes para acalmarem lesões antigas, dores musculares, dores menstruais, dores de ouvidos, quistos e problemas de pele. As compressas feitas com água fria são muito eficazes em casos de entorses recentes, inflamações, contusões, inchaços, dores de cabeça, queimaduras e febres..
5) Desodorizantes e Purificadores do Ar: os óleos essenciais possuem propriedades anti-sépticas, anti-viróticas e anti-bacterianas, podendo ser eficazmente utilizados como purificadores e desodorizantes do ar.
6) Perfumes e Colónias: Para fazer um perfume, diluir 15-25% de óleos essenciais em álcool puro e deixar repousar 15 dias em local escuro. Filtrar e usar. Para as colónias, diluir 12-15% de óleos essenciais em álcool 70º.

------------------------

Óleo de laranja da terra ajuda a tratar úlcera e gastrite.

Óleo de laranja da terra ajuda a tratar úlcera e gastrite
O que motivou os pesquisadores a estudar as propriedades da casca foi o uso popular. Muita gente faz chá com ela para tratar problemas no estômago
ruzamos a região conhecida como Terras Morro Alto, próximo a Dois Córregos, no interior de São Paulo. Fomos conhecer uma plantação de laranja, uma plantação especial, toda orgânica e sem agrotóxicos. Mas essa não é uma laranja qualquer: é a laranja da terra.
José Carlos é quem dá as ordens por no local. Ele conhece bem a fruta. E está explicado por que essa laranja, em alguns lugares do país, é conhecida como laranja azeda ou laranja amarga. O que mais se aproveita dessa fruta é a casca, que é muito usada para fazer doce, mas a casca é muito mais rica do que se imagina.
Ela é rica em óleo essencial, cada vez mais usado para dar sabor e cor a vários produtos. Em uma fábrica, o óleo essencial extraído da casca da laranja da terra vai para a indústria de bebidas, principalmente licores, de aromas, de cosméticos e de produtos farmacêuticos.
"São 200 kg de fruta para 1 kg de óleo. É muita laranja para se extrair uma pequena quantidade de óleo, porque o óleo só está na casca", explica o gerente administrativo Marcelo César Burim. "O óleo essencial está contido na casca da laranja em microbolhas. Para ter acesso a ele, basta você pressioná-la. Esse líquido é o óleo".
Não muito longe dali, pesquisadores do Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita Filho (Unesp) de Botucatu também colhem a laranja da terra, mas o destino da fruta é o laboratório. Desde 2003, eles se dedicam a estudar as propriedades da casca e estão perto de desenvolver um remédio para tratar úlcera e gastrite.
O que motivou os pesquisadores a estudar as propriedades da casca da laranja da terra foi o uso popular. Muita gente faz chá com essa casca para tratar problemas no estômago. Só que a formula desenvolvida no laboratório é bem diferente da receita caseira. Os cientistas descobriram qual é o segredo contido na casca da laranja da terra.
A receita dos cientistas é fazer uma mistura da casca da fruta com água destilada e colocar em um equipamento para ferver. O vapor, depois de condensado, vira um líquido bem clarinho: o mais puro óleo essencial.

"O chá caseiro é composto por várias substâncias. O que a gente fez no laboratório foi isolar uma classe dessas substâncias para testar o efeito biológico dela, e essa substância é o óleo essencial, que é composto basicamente de monoterpenos", explica o biomédico Thiago de Mello Moraes.

E são os monoterpenos os responsáveis pelo sucesso da pesquisa até agora. Nos testes feitos em animais, o óleo essencial provou ter efeito cicatrizante e protetor da mucosa gástrica.
Três grupos de ratinhos com úlcera foram observados durante 14 dias. O primeiro grupo não recebeu nenhum tratamento. O segundo foi tratado com os remédios convencionais. E o terceiro com o óleo essencial da casca da laranja da terra.
"Nós observamos que o óleo essencial foi muito mais efetivo que os medicamentos comerciais, com um efeito cicatrizante 60% melhor do que o medicamento comercial que tem um efeito cicatrizante de 40%", aponta Clélia Akiko Hiruma Lima, coordenadora do Projeto Óleos Essenciais.
E os pesquisadores foram ainda mais longe. Decidiram testar o óleo em ratinhos idosos para saber como o medicamento extraído da laranja poderá agir em seres humanos com mais idade. Os idosos - por tomarem muitos remédios que atacam o estômago - acabam sofrendo mais de problemas gástricos.
"Nós tivemos uma diminuição da úlcera em 75%, na comparação com os animais sem nenhum medicamento Quer dizer, a úlcera diminui, a cicatrização foi muito melhor do que nós tínhamos obtido em animais jovens, e isso é muito promissor", ressalta a bióloga Lúcia Machado da Rocha.
Os cientistas já descobriram que o óleo, além de ser mais eficiente no tratamento da lesão, também melhora o tecido que reveste o estômago.
"Os medicamentos convencionais são geralmente medicamentos antiácidos, antisecretórios, que combatem a secreção ácida gástrica. O óleo não. Ele age diferente, ele fortalece o fator protetor da mucosa. Então, ele fortalece toda a estrutura, a barreira mucosa, e impede que esse ácido atue sobre esse tecido", afirma Célia.
É por isso que o óleo essencial da casca da laranja da terra parece tão promissor.
"Se você tem úlcera uma vez, você tem 80% de chance de ter úlcera outra vez. Com o óleo essencial, a gente observou que houve uma melhora na qualidade dessa cicatrização. E isso com certeza vai diminuir a taxa de recidiva de úlcera na população", aponta o biomédico Thiago de Mello Moraes.
No laboratório, agora estão sendo feitos testes para saber se a fórmula é segura, se não é tóxica. A próxima etapa é experimentar o novo remédio em seres humanos. Uma surpresa até para o gerente administrativo Marcelo César Burim, que há mais de 20 anos trabalha com óleos essenciais. Na verdade, é uma esperança. "Fiquei feliz com essa notícia, porque eu serei com certeza um usuário, com certeza. Eu sofro de úlcera gástrica e ainda não encontrei uma cura.

------------------------

Suplementos

  • RIPP ABS

    Suplementos


    Noticia painel seguro